Compartilhando pesquisas e experiências sobre Fotografia

Semana passada falamos da história da marca Nikon, nada mais justo do que falarmos agora da história da Canon que é a marca mais equivalente a Nikon e possuem, basicamente, o mesmo público alvo.

Canon é uma grande marca, assim como a Nikon, também japonesa, fundada em 1933 com o nome de Kwanon (e por isso a pronúncia certa é “CANON” mesmo e não “KENON”, como muitos falam querendo “americanizar” as palavras) em Tokyo por dois jovens apaixonados por fotografia, Takeshi Mitarai e Goro Yoshida que produz equipamentos ópticos de precisão e afins (incluindo scaners, impressoras, sistema de envio de imagens e etc.). Eis a grande diferença: Canon, diferente da Nikon, foi fundada com o único objetvo de produzir câmeras de qualidade para atender aos consumidores da época a um preço muito menor do que era imposto na época (Nikon abrangeu o seu universo chegando a produzir até microscópios).

Seu primeiro produto foi lançado ainda com o nome de Kwanon, “a câmera Kwanon” (nome de uma Deusa Asiática Budista), e logo trocou para Canon (por causa da pronúncia), uma empresa com fortes empreenderes que só pensavam em câmeras cada vez melhores (em relação a qualidade) e em uma tecnologia a nível hard! Por isso que a Canon conseguiu chegar a nível de comparação com grandes marcas que existiam a mais tempo, como Nikon, por exemplo.

Mas não foi só isso que  a Canon conseguiu, com toda essa equipe empenhada para o melhor do melhor, a marca consegue realmente chegar a um patamar que nós, meros fotógrafos, não conseguimos concretizar seus valores (que hoje, chegam a cerca de 35 bilhões de dólares – Faturamento da Canon), além de servirem de exemplo como filosofia de mercado, onde a união e o empenho dos funcionários levam ao objetivo proposto.

Hoje, a Canon não só acompanha os avanços como lança equipamentos inovadores, sendo uma das melhores amigas dos profissionais de fotografia!

Anúncios

Comentários a: "História da Marca Canon" (3)

  1. Me desculpe, mas tenho que fazer um comentário quanto a pronúncia. Procure por qualquer comercial da Canon no YouTube, de qualquer país, e verá que a pronuncia utilizada é a tal “americanizada”. A marca quis ser chamada assim.

    No caso do Brasil, a marca faz a abordagem com as DUAS pronúncias, pois por aqui muitas pessoas se acostumaram a falar da outra forma.

    • E é verdade mesmo! Você está Certa! Eles queriam que a pronuncia fosse “americanizada” mas a principio a pronuncia era “Kanon” e é por isso que muitos pronunciam ainda assim hoje em dia.

      Obrigada pela colaboração!;)

  2. […] dos dois grandes polos mais comercializados e utilizados pelos profissionais da fotografia Nikon e Canon, vamos a Leica, que foge completamente do nincho e tem um estilo mais […]

O você acha disso?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: