Compartilhando pesquisas e experiências sobre Fotografia

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

O fotógrafo da vez de hoje é um americano de família humilde que teve suas dificuldades na vida (como muitos tiveram) e que aprendeu (principalmente com a vontade de crescer e o amor a fotografia) a superá-los. Nascido na Califórnia (em 1921), Yasuhiro Ishimoto é conhecido como “Japonês-Americano”, filho de japoneses, que voltaram para o Japão quando Ishimoto tinha apenas 3 anos.

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

Seus pais eram agricultores, e estavam aonde a terra lhe permitiam trabalhar. Com a possibilidade de seguir a carreira dos pais, Yasuhiro (para os íntimos) estudou agricultura retornando para os Estados Unidos em 1939 para estudar arquitetura, um dos planos que não foram completos pelo, até então futuro fotógrafo, mas teve um valor importante para a sua futura carreia.

Em 1946, volta para seu estado natal e dá de cara com o Fort Dearborn Camera Club, um evento que acontece em Chicago de video e photo, com workshops, palestras e exposições, que envolveu o Japonês-Americano com a fotografia e a arte de fotografar. O que ele não imaginava era que ela teria que sair de sua terra natal, ir para o Japão com os pais, estudar outras coisas e depois de um tempo, quando finalmente, ele voltasse a sua origem, se descobrir como fotógrafo. Assim, em 1948 se matriculou no departamento de fotografia do instituto de Design em Chicago, estudando com alguns nomes conhecidos da fotografia, graduou-se em 1952. Esse curso ainda rendeu vários prêmios durante a graduação.

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

Em 1953, Yasuhiro Ishimoto  faz a sua primeira importante contribuição para a história da fotografia. Fotografou Katsura Rikyu trabalhando em preto e branco para o Museu de arte Moderna, fotos que renderam um livro sobre a arquitetura japonesa, com o título “Katsura: Tradição e Criação em Arquitetura japonesa (por vezes abreviado para Katsura) em 1960”, na mesma época, Yasuhiro volta para o Japão, dessa vez, não demora muito, e ele volta para Chicago, para trabalhar com a sua paixão: Fotografia.

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

Quando o já fotógrafo se sentiu preparado, começou a viajar o mundo. Conhecendo novos mundos, novos olhares, novas arquiteturas, com suas lentes. O que rendeu prêmios, exposições e livros.

Escrever sobre a vida de alguém é muito fácil, mas conseguir entender e perceber as suas dificuldades, é bem mais difícil. Imagine seus problemas familiares, as dificuldades da época para adquirir uma câmera profissional, dinheiro para passagem. Foi um caminho de idas e vindas muito grande, que levavam Yasuhiro Ishimoto a um único objetivo: Fotografia.

Que essa história sirva de lição para os que tiveram uma sucesso mais fácil, e que sirva de exemplo e inspiração para aqueles que tem mais dificuldades.

yasuhiro_ishimoto_no_temnafotografia_por_helosaaraujo

Advertisements

O você acha disso?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: